Pular para o conteúdo principal

Postagens

Entrevista com Didi

Hoje trago pra vocês uma entrevista com um dos atletas mais promissores da nossa Seleção, jovem que teve muito destaque na última Summer League e já faz parte da nova geração do Brasil.    Estou falando de Marcos Henrique Louzada Silva, o Didi, armador que foi selecionado pelo Atlanta Hawks e trocado para o New Orleans Pelicans, jogou demais na Summer League e atualmente joga no Sidney Kings como maneira de aprimorar o inglês. Abaixo segue o bate bapo com o atleta:
 1) Como conheceu o basquete e porque começou a jogar?
DIDI: Conheci o basquete por causa de um amigo do meu irmão. Na verdade um amigo em comum, mas comecei a jogar por causa do meu irmão. A gente jogava futebol numa escolinha perto de casa. Esse amigo apresentou o basquete para a gente e começamos a jogar.
   2) Quando começou a encarar o esporte como uma possível profissão? DIDI: Quando eu tinha 16 para 17 anos, quando fui jogar em Franca. Foi ali que eu vi que podia ter um futuro no basquete, me tornar profissional.
  3) C…
Postagens recentes

Entrevista com Cristiano Felício

O basquete é certamente o meu esporte favorito, amo o jogo e poder jogar, escrever sobre ele, tudo. Ter a oportunidade de entrevistar um jovem em ascensão, que joga no time que eu torço e é uma das caras novas da seleção brasileira não tem preço.    Hoje trago pra vocês uma entrevista exclusiva que pude fazer com Cristiano Felício, pivô do Chicago Bulls e da seleção brasileira, atleta promissor do nosso basquete e que vem tendo bons resultados na NBA. Conversamos sobre basquete, sua carreira e projeções para o futuro.
   1) Como conheceu o basquete e porque começou a jogar?
FELÍCIO: Conheci o basquete com 13 anos, nos Jogos Escolares da cidade, a convite de um técnico. Foi assim que eu comecei, não teve muito de referência ou influência de um parente ou amigo, foi mais porque veio esse convite e aceitei. E nunca mais parei.
   2) Quando começou a encarar o esporte como uma possível profissão? FELÍCIO: Comecei a encarar o esporte como profissão quando fui para o Minas, foi quando eu vi que …

Bate bapo com Miguel Ângelo da Luz

Quando pensamos no esporte de maneira geral, lembramos sempre dos grandes atletas e deixamos de lado os responsáveis por um trabalho fundamental. Os treinadores são os cérebros por trás das equipes, quando falamos em basquete muitas vezes lembramos de Pat Riley, Phil Jackson, Greg Popovich.    Em nosso país temos um grande treinador, que trabalhou com os grandes nomes do basquete brasileiro (Oscar, Janeth, Hortência, Paula), estou falando de Miguel Ângelo da Luz, técnico campeão mundial e medalha de prata olímpica com a seleção feminina, a melhor geração da história do basquete brasileiro. Nesse bate papo falamos sobre a carreira, o futuro da modalidade no país e as dificuldades em desenvolver o esporte.

1) Como conheceu o basquetebol, seu primeiro contato?
MIGUEL: Jogava tênis no Clube de Regatas Vasco da Gama, quando um diretor de Basquete viu dez garotos e fez convite para fazer um teste na escolinha do clube. Fui o único que não queria. Cedi a pressão do irmão mais velho e acabei …

Lives 13 do Mais Basquete

Olá pessoal.
Há muito tempo, Chico Assis e eu, estamos trabalhando na estruturação do podcast do Mais Basquete. Porém, fomos surpreendidos com a atual crise mundial da saúde e resolvemos comemorar a trajetória do Blog Mais Basquete de duas formas: (1) mantendo a publicação do segundo livro e (2) promover debates sobre o basquete brasileiro, as denominadas Lives13 - designação surgida do 13º aniversário do blog.
Bem, as Lives13 serão quatro. A primeira com Miguel Ângelo da Luz, na próxima quarta-feira, dia 13/05/2020, às 13h (até 14h). O Miguel falará sobre a formação de técnicos e é claro que vamos ouvir muitas histórias da longa trajetória deste técnico, especialmente a passagem vitoriosa pela seleção brasileira de basquete feminino.
Semana que vem, dia 20/05/2020, às 13h (até as 14h), Arlem Lima, o Agente de grandes atletas do basquete brasileiro vai nos contar como funciona sua atuação, qual seu papel e qual a importância de atletas terem um agente.
No dia 27/05/2020, às 13h (até as 14…

Todos por Mika

Salve galera, hoje o texto é sobre ajudar o próximo, utilizar o esporte e no nosso caso o alcance do blog pra fazer o bem. Essa ação conjunta com várias outras pa´ginas e blogs é para ajudar o Miquéias, quem poder ajudar seremos muito gratos.     Miquéias Mota nasceu com mielomeningocele e hidrocefalia no dia 12 de março de 2012. Ele, fã de basquete, adora praticar o esporte. No entanto, em fase de crescimento, Mika, como é carinhosamente chamado, já não cabe mais em sua cadeira de rodas. Para piorar ainda mais a situação, sua mãe, Aline, está com câncer de mama.
   Nós recebemos, no último sábado, um pedido de sua mãe, Aline, para que a gente pudesse ajudar a divulgar a "Vaquinha" online. A partir disso, reunimos o maior número de sites, blogs e páginas de basquete nas redes sociais, para que o jovem Mika receba sua cadeira de rodas.
   Para contribuir, clique aqui: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/todo-por-mika
   Ou, ainda, por transferência bancária:
Caixa Econômica Fed…