quarta-feira, 16 de novembro de 2011

NBA: briga de gente grande


Atletas da NBA, por meio de seu sindicato, estão em pé de guerra com a NBA. Encerraram a última rodada de negociações, afirmaram que irão dissolver o sindicato e processar a NBA (Lei Antitruste)*, alegando que a liga agiu de má fé. Se essa ameaça concretizar-se, a briga vai para os tribunais que pode, agilizar o processo de acordo ou o processo ser contemplado com a habitual morosidade do judiciário - não é só no Brasil leva uma eternidade...
Bom, a temporada pode ser cancelada (sexta-feira irão definir isso) e ainda podemos ficar sem NBA por muito tempo (lembrem, se for para a justiça pode demorar muito).
Essa situação me faz perceber que grandes negócios trazem grandes riscos. A NBA é isso: um grande negócio. E um negócio que movimentou US$ 4 bilhões na última temporada, mexe com a paixão de tantos outros, como a minha, e com a vida de muitos atletas, os jovens universitários que passaram pelo draft e agora não possuem visibilidade suficiente para terem contratos semelhantes na Europa - aliás, a Europa sozinha não dá conta desse monte de jogadores. Até quando eles podem aguentar? São todos multimilionários?
Interessante acompanhar o blog do Fábio Sormani (Nada de acordo; NBA e NBPA voltam a se reunir nessa sexta-feira), que acompanha a NBA de perto e trás boas notícias do locaute.
Abaixo reproduzo informação da NBA que processará a NBPA, ou seja, briga de gente grande... 
É a Lei que se destina a punir práticas anticompetitivas que usam o poder de mercado para restringir a produção e aumentar preços, de modo a não atrair novos competidores, ou eliminar a concorrência. (Fonte: http://www.dicionarioinformal.com.br/antitruste/)


DECLARAÇÃO DO COMISSIONADO DA NBA DAVID STERN

NOVA YORK, 14 de novembro de 2011 – O comissionado da NBA David Stern emitiu a seguinte declaração:

"Em uma sessão de negociação em fevereiro de 2010, o Jeffrey Kessler, advogado da união, ameaçou que os jogadores abandonariam o processo de negociação coletiva e iniciariam um processo antitruste contra as nossas equipas se eles não conseguissem uma resolução da negociação que fora aceitável para eles.

"Em antecipação deste dia, a NBA entrou com uma acusação por praticas de trabalhos injustas no National Labor Relations Board afirmando que, em virtude de suas ameaças contínuas, o sindicato não estava negociando em boa fé. Nós também começamos um processo judicial no tribunal federal em antecipação desta mesma tática de negociação.

"A NBA tem negociado em boa fé durante todo o processo de negociação coletiva, mas - porque a nossa proposta de negociação revisada não foi do seu agrado - o sindicato decidiu realizar a ameaça do Sr. Kessler.

"Vamos ter um acordo novo de negociação coletiva no futuro, mas a temporada de 2011-12 está agora em perigo."
Postar um comentário