segunda-feira, 24 de junho de 2013

Draft parte 1

   Já que a temporada regular acabou vou começar uma série sobre os prospectos para o Draft da NBA. Dessa forma começarei falando dos primeiros nomes, dados quase como certos as suas escolhas e posições no Draft. 
Esperança dos CAVS para erguer a franquia
   Considerado como certa a sua escolha em 1° lugar do Draft, Ben McLemore, de Kansas, possuindo potencial de super-estrela será a escolha do Cleveland Cavaliers. Pelo terceiro ano consecutivo os CAVS terão a oportunidade de selecionar  um atleta de grande potencial. Como suas habilidades principais, aparecem excepcional atleta, grande arremessador de 3 pontos, bom reboteiro para sua posição, bom aproveitamento de lances-livres, bom em trabalho de equipe, bom em arremessos após o drible e altruísta, possuí uma habilidade rara para um Shooting Guard, ao mesmo tempo é atlético e exímio arremessador do perímetro.  Como fraquezas, deve precisa se manter agressivo durante o jogo, precisa ser mais consistente e precisa ser maior e mais forte. Se ficar mais forte e mais alto, tem possibilidades de ter uma carreira brilhante como primeira opção de arremesso.   Possuiu médias de 15.9 pontos, 5.2 rebotes, 1.9 assistências, 1.0 roubos de bola por jogo e possui 49,5% de aproveitamento de arremessos de quadra, 42% de três pontos e 87% de lances livres. De quebra ainda, quebrou os recordes de freshman de sua universidade em pontos (589) e percentual de lances livres.
 
Mais um grande pivô para a liga
 A possível segunda escolha do draft será do Orlando Magic, o selecionado para a equipe será Nerlens Noel, power forward, vinha liderando o draft para ser a escolha número 1. Possui como características ser um excelente reboteiro, um defensor completo e um monstruoso bloqueador de chutes. Suas fraquezas são de não ser um atleta polido ofensivamente, precisa ser maior e mais forte pela sua posição e é um péssimo arremessador de lances-livres. Foi o calouro do ano da NCAA e liderou a liga em tocos, mesmo ficando de fora por lesão e ainda foi escolhido para o Primeiro Time da liga. Possui médias de 10.5 pontos por jogo, 9.5 rebotes, 1.6 assistências e 2.1 roubos de bola, 59% de aproveitamento de arremessos de quadra e 52,9% dos lances livres.

   
Postar um comentário