domingo, 18 de maio de 2014

Grande começo

   Com grande começo, os líderes da Conferência Leste, Indiana Pacers faz valer o mando de quadra e vence o Miami Heat com soberania. Destaque para Paul George e Roy Hibbert que contribuíram muito com a equipe, mas o foco ficou no trabalho coletivo.
Boa atuação do pivô ajudou na construção da primeira vitória
   O primeiro jogo da tão aguardada final da Conferência Leste foi hoje a tarde, e mostrou que o Heat não vai ter vida fácil. Em um jogo onde Lebron começou "nervoso", errando passes e forçando jogadas desnecessárias, os Pacers foram pra cima com tudo, com um bom trabalho ofensivo que dificultava a defesa do Heat e com um aproveitamento absurdo de bolas de três (chegou a certo ponto a marca de 86%), os donos da casa abriram vantagem e não perderam o domínio do placar desde o primeiro minuto, chegando a abrir 19 pontos de diferença no terceiro período.
Nem mesmo o King salvou o Heat
   Não pode-se dizer que foi fácil, em alguns momentos a diferença baixou até 5 pontos, mas mesmo assim não era dia do Heat, enquanto Lebron anotava 25 pontos, 10 rebotes e 5 assistências e Wade contribuia com 27 pontos e 4 assistências, o ala Chris Bosh jogava mal, anotando apenas 9 pontos em toda partida, sendo que 4 desses foram no primeiro tempo de jogo. E os números não mentem, quando um dos craques do Big-Three de Miami joga mal normalmente a equipe é derrotada.
   Do outro lado da quadra, quem não estava nem aí pra história era Paul George que anotou 24 pontos e 7 assistências, George Hill que teve o seu melhor primeiro período de toda a temporada com 15 pontos, além de Hibbert e West que anotaram 19 pontos e 9 rebotes, e 19 pontos e 7 rebotes, respectivamente. Juntamente com os 17 pontos e 8 assistências de Lance Stephenson, e esses números mostram como a distribuição de jogo dos Pacers fez a diferença. Em muitas jogadas os jogadores estavam de frente para cesta, mas preferiam um passe a mais para um colega totalmente desmarcado e o jogo com o pivô foi muito bem executado, em quase todas as bolas de três convertidas a jogada iniciou-se com um passe no garrafão e logo foi aberta para alguém matar do perímetro.
   O jogo mostrou que os Pacers vem com força para tentar chegar as finais, fato que não ocorre desde 2000, e que serão um adversário mais duro para a equipe do Heat do que foram Bobcats e Nets. O favorito, em minha opinião, ainda é o Heat, mas terão de fazer por merecer e provar que são mesmos os favoritos.
Postar um comentário