sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Wade para os fãs: "Não questionem minha lealdade"

Lealdade e muito amor, Wade é exemplo 
   Quando tiver tudo acabado, um dia, Dwyane Wade será Hall da Fama como o maior jogador de todos os tempos do Miami Heat. O Heat o selecionou na quinta posição do Draft de 2003 e nunca se arrependeu. Wade foi All-Rookie Primeiro Time, em sua segunda temporada se tornou All-Star e na sua terceira temporada deu ao Heat o seu primeiro título.

   No entanto essa união foi posta a prova nessa temporada, quando Wade tornou-se agente livre. O astro queria o contrato máximo, mas a franquia estava preocupada com a saúde física de sua principal estrela em fase envelhecimento. O clima ficou tenso entre os dois lados e surgiram-se alguns rumores ligando Wade e o Los Angeles Lakers.
   Finalmente encontraram um contrato bom para os dois lados, 20 milhões de dólares por uma temporada. Wade ganhou o máximo e conseguiu uma flexibilidade. O mais importante foi que ele manteve a esperança viva: ser um Hall da Fama do Heat e o melhor jogador da história da franquia.
   Ainda assim, as consequências das negociações levou os fãs a questionarem o vínculo, aparentemente, inquebrável de Wade e Heat. Mas como Wade disse em entrevista a 710 The Ticket, era apenas negócio, seu coração sempre esteve em South Beach.
   " Há um lado de negócios em tudo. Mas o meu coração, e eu independente de onde eu estivesse, estava aqui. Comecei minha carreira aqui e gostaria de terminá-la aqui. Eu vim para cá apenas feliz por estar aqui, apenas querendo deixar essa organização orgulhosa por ter me escolhido na quinta posição".
   Wade também reiterou sua dedicação a Miami depois de ser criticado por vestir uma camiseta do New York Jets em um jogo contra o Miami Dolphins.
   "Eu não sei porque as pessoas na Flórida gostaram de testar a minha fé, na minha crença e meu amor por Miami porque eu vesti uma camiseta para um jogo. Estou nessa comunidade. Tenho feito tudo que pude, do ponto de vista do basquete, para ajudar essa cidade a ser bem sucedida e vou continuar fazendo isso. O coração está lá, o amor esta lá. Não questione minha lealdade, todos vocês. Não questione minha lealdade".
   Dado o fato que o contrato de Wade apenas abrange a temporada 2015/16, uma nova rodada de negociações vai testar a ligação de Wade com Heat. Mas como Wade lembrou aos fãs essa semana, há negócios e há amor, e há muito amor entre Wade e o Heat.
Postar um comentário