domingo, 6 de dezembro de 2015

O novo Lebron

Próximo mito da NBA, dominando a NCAA com sobras

   Lebron James tem ouvido algumas comparações com Ben Simmons, que vem sendo chamado de "próximo Lebron James". Mesmo com Lebron dizendo recentemente que grandes nomes do basquete não devam ser comparados, ele diz que tudo bem sobre a comparação feita com Simmons.
   Lebron disse na sexta, após a derrota para os Pelicans por 114 a 108 na prorrogação: "Eu não me importo. Alguém vai ser comparado com alguém o tempo todo, não me importo dele ser comparado a mim. As pessoas não apenas reconhecem o que ele faz na quadra, mas ele é um grande garoto também. Ele tem uma grande família, grande sistema de apoio, e é por isso que ele é capaz de fazer o que faz na quadra."
   Simmons estava presente no jogo de sexta-feira, sentado atrás do banco do Cleveland Cavaliers no terceiro período.  Em entrevista a ESPN Simmons disse: " Ele é um dos melhores jogadores do mundo que já jogou o jogo. Eu apenas tento pegar um pouco do seu jogo e colocar no meu. Seu tamanho é uma das coisas que tento olhar. Eu tenho 2,08 m e ele domina com 2,03 m, eu apenas tento encaixar o que ele faz no meu jogo".
   Simmons que joga na cidade vizinha de Baton Rouge, Louisiana, domina a NCAA como um furacão, com médias de 19.9 pontos, 14.9 rebotes, 6.0 assistências, 2.4 roubos de bola e 1.6 tocos nas sete primeiras partidas da LSU. 
Lebron disse que seu relacionamento com Simmons, jovem nativo da Austrália, remete a antes da faculdade. Lebron disse que observa o jogador a 3 ou 4 anos, e não se surpreende com as performances de tirar o chapéu do calouro nessa temporada. "Eu o acompanhei bastante, mas sua trajetória antes de aparecer em Baton Rouge. O acompanho a 3 ou 4 anos, ele tem um talento inacreditável". A dupla também passou um tempo juntos na Academia de Basquete da Nike, em Santa Monica, Califórnia, onde Lebron era um instrutor e Simmons um conselheiro. Ambos se falam regularmente pelo telefone.
   Simmons comparou Lebron com um irmão mais velho. "Ele me da uma série de conselhos se eu precisar dele. Ele se preocupa comigo, ele é uma daquelas pessoas que você tem que ter como mentor, porque ele é um dos melhores jogadores do mundo".
   Enquanto Simmons era um prospecto para a 1° escolha do Draft de 2016 antes de começar a temporada com a LSU, algumas de suas atuações foram absurdas, como 21 pontos e 20 rebotes contra Marquette, e 43 pontos, 17 rebotes, 7 assistências, 5 roubos de bola e 3 tocos contra North Florida.
Mesmo assim Lebron disse: "Não, eu não estou surpreso. Ele é um cara talentoso. O treinador (Johny Jones) na universidade lhe permite mostrar o seu talento, e isso é o que ele é capaz de fazer".


Postar um comentário