sábado, 9 de setembro de 2017

Muito merecido

Parabéns T-Mac

   Ontem a noite um dos atletas que mais curti ter acompanhado a carreira foi introduzido no Hall da Fama. Um ala explosivo e muito habilidoso, que tinha um arremesso matador e que fazia malabarismos no ar, o cara que anotou 13 pontos em 35 segundos e é reconhecido por isso até hoje. Eu to falando do T-Mac, Tracy McGrady, ala que fez sucesso por onde passou na liga e que mereceu muito esse lugar na meca do basquete mundial.
   T-Mac entrou diretamente do high school para a NBA, foi a nona escolha do Draft de 1997 pelo Toronto Raptors. Teve as duas primeiras temporadas da carreira bem discretas, com médias inferiores a 10 pontos por jogo, mas a partir da temporada 1999/00 tornou-se o T-Mac que todos respeitam e admiram. Ele é um dos melhores atletas dos anos 2000, foi 7 x All-Star de maneira consecutiva entre 2001 e 2007, anos em que teve médias superiores as 24 pontos por jogo, foi o MIP da temporada 2000/01, cestinha em 2003 e 2004 e 7 x All-NBA.
   As melhores médias teve durante suas temporadas com o Orlando Magic, 28.1 pontos, 7 rebotes e 5.2 assistências, jogou três temporadas com o Toronto Raptors com médias de 11.1 pontos, 5.5 rebotes e 2.5 assistências e com o Houston Rockets passou seis temporadas de médias de 22.7 pontos, 5.5 rebotes e 5.6 assistências. Suas médias nos Playoffs são incríveis, apesar de nunca ter ido muito longe como protagonista (jogou as Finais de 2013 com os Spurs, mas , com o Magic tem médias de 32 pontos, 6.5 rebotes e 5.9 assistências e com os Rockets 27.7 pontos, 7.1 rebotes e 7 assistências, literalmente levando os times nas costas, ou sendo o protagonista incontestável.
   Seus feitos são maiores que isso, seu jogo de 13 pontos em 35 segundos garantindo uma vitória do Hockets sobre os Spurs são um dos momentos mais incríveis da história da NBA. Infelizmente T-Mac faz parte da lista de grandes atletas que não ganharam um anel de campeão e as lesões lhe tiraram um pouco de vida útil. Ainda assim, com apenas um ano na CBA (liga Chinesa) teve o seu número 1 aposentado por Qingdao DoubleStar Eagles, mesmo tendo ficado em último na temporada. Aposentou-se da NBA com médias de 19.6 pontos, 5.6 rebotes e 4.4 assistências.
   Ontem na cerimônia da coroação de seu legado T-Mac contou sobre sua aceitação de fazer parte dessa classe: "Comecei a pensar sobre todos os grandes da NBA, que fizeram tantas coisas boas, e então comecei a me comparar com eles, É muito fácil focar no que você não teve e não conseguiu, mas sou grato pelas pessoas que acreditaram em mim, apenas talvez quando nem sempre acreditei em mim". O ala disse também que um lugar no Hall da Fama é bem melhor que um título da NBA e encerrou seu discurso dizendo: "Bem, neste dia, posso orgulhosamente dizer, bem eu mereço isso sim estar aqui. Estou realmente embaraçado, orgulhoso e agradecido de estar na Classe de 2017".
   Parabéns T-Mac e obrigado pela chance de vê-lo jogar!


Postar um comentário