segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Heróis do passado: Al Attles

Um jogador fundamental
   Hoje nossa série relembra a carreira de Al Attles, um dos grandes nomes do basquete nos anos 60, fazendo história no Philadelphia Warriors sendo parceiro de Wilt Chamberlain e jogando toda a carreira pela franquia. Vem saber mais sobre essa fera do basquete que é membro do Hall da Fama.
   Attles começou a jogar basquete no ensino médio, pela Weequahic High School em Newark, depois de foramdo foi jogar basquete em North Carolina A&T State. Apesar de ser um ótimo jogador e ter boas médias, ele queria apenas pegar o seu diploma de Bacharel em Educação Física e História e voltar para sua cidade e treinar a equipe da escola. Teve médias de 13.1 pontos e 3.3 rebotes nos seus três anos de North Carolina A&T State, sendo um dos destaques da franquia. 
   Ele foi selecionado na quinta rodada do Draft, na 39° posição pelo Philadelphia Warriors em 1960, mas ele não aceitou primeiramente, queria seguir os planos de de ser treinador na escola. Mas depois de alguns dias aceitou e foi participar dos treinamentos com a equipe, foi o armador dos Warriors por 11 temporadas, sempre muito conhecido por sua excelência defensiva, por conta disso era chamado de Destroyer, também relacionado a um soco que deu em um adversário certa vez.
Fez história como treinador
   Era um role player que executava muito bem o seu papel e ajudou os Warriors a chegarem em duas finais, infelizmente sem sucesso. Ele aposentou-se após 11 temporadas com médias de 8.9 pontos, 3.5 rebotes e 3.5 assistências e teve sue número 16 aposentado pelos Warriors.
   Após a carreira de jogador tornou-se treinador ainda quando jogador, na temporada 1969/70, sendo um dos primeiros negros treinadores da história. Em 1975 guiou os Warriors ao título da NBA de 1975 contra o Washington Bullets, tornando-se o segundo treinador negro a ser campeão da NBA. Na temporada seguinte chegaram as finais de conferência e acabaram perdendo dos Phoenix Suns. Ele saiu no final da temporada 1979/80, sendo o treinador que mais treinou os Warriors de 1969 até 1979, conquistando dois títulos.
   Attles vai a todos os jogos do Warriors em seus domínios, atua atualmente omo embaixador da equipe. Em 2015 teve o seu número #22 aposentado por North Carolina A&T State, o primeiro da história da universidade. Outro fato interessante é que Attles trabalhou por mais de 50 anos para os Warriors, o mais longo período para qualquer equipe. Sua carreira como atleta foi singela, mas sua lealdade lhe renderam uma homenagem eterna, seu número (16) aposentado, merecendo nossa lembrança.


Postar um comentário