sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

Série encerrada, esperança aumentada

A serie de vitorias acabou mas as lições ficaram

   Pode ser que o Bulls não venha a ter mais uma série de sete vitorias nessa temporada, pode ser que terminem como a pior equipe da liga, mas esse período de jogos e vitorias consecutivas dão uma esperança para a reconstrução da franquia. Só como informação essa serie de vitorias é maior do que conseguiu San Antonio Spurs e Toronto Raptors que estão classificando-se para os Playoffs.
   O que essa série nos provou foi a qualidade do elenco jovem do Bulls, mesmo buscando uma escolha do Draft o espaço que os jovens atletas tem obtido para jogar está fazendo eles evoluírem constantemente. Lauri Markkanen terminou a partida de ontem apenas um ponto de sua marca mais alta da carreira, convertendo 11 dos 17 arremessos que tentou, Denzel Valentine converteu 7 de 10 arremessos e nos últimos cinco jogos está com 62% de aproveitamento. 
   Muitos pontos positivos foram vistos nessa série, o Bulls jogou com facilidade e sabendo articular as partidas. Valentine acertando bolas de três, Markkanen provou valer a escolha, Robin Lopez defendendo como louco, Dunn parece ter provado que sua 5° posição no Draft de 2016 estava correta e Niko foi o melhor atleta do Bulls desde seu retorno as quadras, mesmo vindo do banco vive sua melhor temporada. 
   Hoiberg parece que está seguro, o elenco cheio de jovens têm lhe dado talentos brutos para serem lapidados e ele têm dado conta do recado. Aparentemente os elencos com veteranos e algumas estrelas dificultavam o trabalho do treinador. Os três pontos chaves são a evolução de Kris Dunn, a consistência de Justin Holiday e a excelente temporada de Mirotic, esses três foram fundamentais nesse período de sete vitórias consecutivas.
   O mais impressionante são os números, desde 8 de dezembro os Bulls são o 9° no ranking ofensivo (109.1 pts), 6° no ranking defensivo (100.9), 5° em eficiência de arremessos (54,5%) e 8° em percentual de assistências (60,8%). Marcas que pareciam impossíveis para uma equipe que estava 3-20 quando começou a sequência de vitórias. Provavelmente os números não serão mantidos, agora o Bulls têm uma sequência dura de partidas entre 5 e 8 de janeiro, são três jogos em quatro noites, dois fora de casa e uma partida contra o Houston Rockets em casa. Foi bom enquanto durou essa sequência, agora é manter os pés no chão e continuar fazendo o máximo possível.
   
Postar um comentário